PORTUGAL
ROMA

ROMA

Roma é a capital da Itália e uma das cidades mais famosas do mundo, devido ao seu forte património histórico, cultural e religioso. 

Esta cidade consegue surpreender todos os turistas, uma vez que em todas as esquinas somos surpreendidos por um monumento maravilhoso, mas inesperado. Será difícil não parar em todas as ruas e não entrar em todos os monumentos que surgirem, por isso, aconselho a organizar bem o roteiro da sua viagem para não arriscar ficar sem tempo.

Se quer visitar esta cidade, porque gosta de História, pode ter a certeza que se sentirá a viajar no tempo. Caso não seja muito fã de História, Roma é também uma boa opção, pois certamente se surpreenderá com as grandes construções e com as muitas histórias e lendas que caracterizam esta cidade.

Uma dica relevante é que muitos monumentos importantes e verdadeiramente fascinantes são grátis. É o caso do Panteão, por isso, antes de comprar bilhete para as atrações pagas, compare-as com as que são gratuitas. Algumas valerão a pena, outras nem tanto, e assim conseguirá poupar algum tempo precioso.

Para chegar a Roma, a boa notícia é que a Ryanair tem voos diretos do Porto e de Lisboa para o Aeroporto de Roma Ciampino, desde os 22,99 euros.

 

COMO SAIR DO AEROPORTO

Para sair do Aeroporto de Roma Ciampino, a maneira mais simples é apanhar um dos autocarros das três empresas que servem o aeroporto: Terravision, SitBus e Rome Airport Bus. 

Os preços dos autocarros variam, conforme os dias e as empresas, entre 4 euros e os 7,90 euros por pessoa e a viagem tem uma duração aproximada de 50 minutos, dependendo do trânsito. Este transporte é uma boa opção para quem leva muitas malas ou crianças, pois a viagem é direta. 

Se for aventureiro e mais poupado, também pode ir de comboio para o centro da cidade, no entanto, a viagem é um pouco mais cansativa, pois tem que apanhar um autocarro até à estação ferroviária de Ciampino (custo de 1 euro) e depois terá que esperar para apanhar o comboio até ao centro da cidade (custa 1,50 euros). 

 

ATRAÇÕES TURÍSTICAS GRATUITAS

Arco de Constantino - Foi construído, no ano de 315, em comemoração da vitória do Imperador Constantino I na batalha da Ponte Milvio. Este arco é uma homenagem ao imperador pelos feitos e conquistas dadas ao povo de Roma.

Basílica de San Pietro in Vincoli - É distinta das demais igrejas de Roma devido à sua simplicidade de decoração. No entanto, tem a famosa escultura de Moisés de Michelangelo e, no Altar Maior, destacam-se as correntes com as quais São Pedro foi preso em Jerusalém. 

Fontana diTrevi - É a maior e mais bonita fonte de Roma. Existe a famosa tradição de atirar uma moeda com a mão direita sobre o ombro esquerdo: Se atirar uma moeda voltará a Roma; se atirar duas, encontrará um amor italiano; se atirar três moedas, irá casar com o italiano que conheceu.

Piazza Navona - Esta praça é popular devido às suas três fontes: Fontana dei Quattro Fiumi, Fontana del Moro e Fontana del Nettuno. 

Piazza di Spagna - Esta praça é uma das praças mais famosas de Roma devido à sua localização e à sua escadaria. Normalmente, as escadas estão sempre cheias de gente, visto que é um ponto de encontro para romanos e turistas.

Panteão - É o monumento mais bem conservado de Roma. No interior estão os túmulos de diversos reis da Itália e diversas obras de arte. O personagem mais conhecido que está enterrado no Panteão é o pintor e arquiteto renascentista Rafael. 

Basílica de São Pedro - É o edifício mais importante do catolicismo, pois no seu interior abriga a Santa fé. Nela o Papa celebra as liturgias. O corpo do primeiro Papa da história, São Pedro, está enterrado nesta Basílica. As obras mais conhecidas no seu inteiro são o Baldaquino de Bernini, La Pietà de Michelangelo e a estátua de São Pedro no seu trono.

Atenção: Se quiser subir a pé até à cúpula (551 degraus) são 6 euros. Se optar por subir de elevador até ao terraço e depois subir 320 degraus, são 8 euros.

Praça de São Pedro- É a praça mais famosa de Roma e situa-se junto à Basílica de São Pedro do Vaticano. Nela é possível observar as 284 colunas e 88 pilastras que circulam a praça. No alto das colunas há 140 estátuas de santos.

 

Jardins da Villa Borghese - É um dos maiores parques da Europa e é o segundo maior de Roma. Nele é possível passear enquanto aprecia diversas esculturas, templos e fontes.

Circo Máximo - Este era uma das construções mais importantes para os romanos. Nele aconteciam jogos públicos e competições, como as corridas de carros puxados a cavalos em que muito dos participantes eram escravos a lutar pela sua liberdade. Atualmente, há muito poucas ruinas do Circo, o que o torna um monumento desapontante.

Campo de Fiori - Esta praça é uma das mais famosas de Roma devido à sua feira que ocorre todas as manhãs, de segunda a sábado, desde 1869. Ali é montado um mercado onde são vendidos alimentos, flores e produtos variados.

Piazza del Popolo - Esta praça é uma praça rica em momentos: No centro o obelisco egípcio dedicado a Ramsés II, conhecido como Obelisco Flamíni; a Igreja de Santa Maria del Popolo, na qual estão duas obras de Caravaggio e várias obras renascentista; e as igrejas de Santa Maria dei Miracoli e Santa Maria in Montessano.

Santa Maria in Cosmedin - É uma igreja medieval muito conhecida por abrigar na sua fachada a Boca da Verdade. Também é muito conhecida devido ao sacrário de cristal que guarda o crânio de São Valentim, padroeiro dos enamorados. 

Bocca della Verità - Não se sabe muito bem a função da escultura, mas desde a Idade Media acredita-se que deteta mentiras. Caso alguém contasse uma mentira com a mão dentro da boca da escultura, esta seria capaz de detetar, mordendo a mão. 

Basílica de Santa Maria in Aracoeli - Esta Basílica era conhecida por ter no seu interior uma figura de madeira do Menino Jesus que dizem ser milagrosa por ressuscitar mortos. A estátua foi roubada em 1994, e atualmente, a igreja tem uma réplica. As escadas da Basílica de Santa Maria in Aracoeli foram construídas em 1348 para celebrar o fim da epidemia de peste. Dizem que quem subir as escadas de joelhos será premiado no sorteio da loteria nacional.

Piazza Capidoglio - Esta praça, desenhada por Michelangelo, foi a primeira praça moderna criada em Roma. Nela estão localizados os Museus Capitolinos.

Piazza della Repubblica - É uma das praças mais importantes de Roma. Foi construída após Roma se tornar a capital de Itália. A Piazza della Repubblica tem no centro a fonte das Náiades, rodeada por imponentes edifícios. 

 

Piazza Colonna - Esta praça deve o seu nome à coluna de Marco Aurélio de mármore que se encontra nela desde o ano de 193. Esta coluna foi construída, após a morte do imperador, para celebrar as vitórias das Guerras Marcomanas.

 

Piazza Quirinale - Esta praça localiza-se na colina mais alta de Roma e privilegia-nos com a vista sobre a cidade. Na praça localiza- se um obelisco que está junto às estátuas em que Castor e Pólux, padroeiro dos jóqueis, aparecem a domar uns cavalos. O Palazzo del Quirinale desde 1947, funciona como residência do presidente da República.

Atenção: Todos os dias às 15:00 horas acontece a cerimônia da troca da guarda em frente ao Palácio Quirinale. 

Trastevere – Este bairro é um bom local para passear pelas ruas estreitas e para apreciar algumas igrejas medievais e lojas com objetos menos turísticos. 

Área Sacra - É uma zona onde estão as ruínas dos templos mais antigos que ainda se conservam em Roma. As ruínas são especialmente bonitas à noite devido à sua iluminação. 

Fórum Boário - Na Roma antiga era onde acontecia o mercado de animais. Atualmente, tem dois templos, o Templo de Hércules e o Templo de Portuno, que estão muito bem conservados.

 

NÃO GRATUITAS MAS QUE VALEM A PENA 

Fórum Romano - Foi durante séculos o centro da vida pública, cultural e política romana. Era considerado o coração da Roma antiga, uma vez que se situavam os monumentos políticos, religiosos e sociais mais importantes. É atualmente uma extensa ruína de fragmentos arquitetónicos e um sítio de escavações arqueológicas descontinuado.

Preço: Entrada combinada para o Coliseu, o Fórum e o Palatino:
Adultos: 12€.
Cidadão da União Europeia entre 18 e 24 anos: 7,50€.
Menores de 17 e maiores de 65 anos são pertencentes à União Europeia: entrada gratuita

Visita guiada pelo Coliseu, Fórum e Palatino €39 

 

Coliseu de Roma - É o maior anfiteatro construído durante o Império Romano e um dos monumentos mais importantes de Roma. Nele eram feitas exibições de animais exóticos, execuções de prisioneiros, recreações de batalhas e lutas de gladiadores.  

Preço: Entrada combinada para o Coliseu, o Fórum e o Palatino:
Adultos: 12€.
Cidadãos da União Europeia entre 18 e 24 anos: 7,50€.
Menores de 17 e maiores de 65 anos pertencentes à UE: entrada gratuita.

Visita guiada pelo Coliseu, Fórum e Palatino €39 

Atenção: Para evitar filas, tem a opção de comprar a entrada combinada no Palatino ou o Roma Pass.

 

Palatino - O Monte Palatino compõe uma das partes mais antigas da cidade. Segundo a lenda de Rômulo e Remo, a caverna da loba que cuidou dos irmãos, situava-se neste monte. Durante o período republicano, a classe alta romana construiu luxuosos palácios neste local.

Preço

Entrada combinada para o Coliseu, o Fórum e o Palatino:
Adultos: 12€.
Cidadão da União Europeia entre 18 e 24 anos: 7,50€.
Menores de 17 e maiores de 65 anos pertencentes à UE: entrada gratuita.

Visita guiada pelo Coliseu, Fórum e Palatino €39 

Castelo Saant’Angelo - Este castelo é uma fortaleza que se situa na margem direita do rio Tibre. Em 1277 foi construído um corredor fortificado de 800 metros de longitude que conectava o castelo com a Cidade do Vaticano para que o Papa pudesse escapar caso estivesse em perigo. Durante os cercos ocorridos em Roma durante 1527, o Papa Clemente VII utilizou a fortaleza como refúgio. 

Preço: ingresso geral: 15€.
Menores de 18 anos e maiores de 65 anos: 7€.

Visita guiada pelo Castelo de Sant'Angelo com subida ao terraço €50 

Museus Capitolinos – O museu é composto por dois diferentes edifícios, na Piazza del Campidoglio, que formam o mais importante museu de Roma. O Palácio dos Conservadores e o Palácio Novo são unidos através da Galeria Lapidaria, uma passagem subterrânea. As grandes atrações destes museus são a figura original da Loba Capitolin, os bustos de personagens ilustres, estátuas colossais, entre muitos outros.

Preço: 

Adultos: 15€.
Cidadãos da UE entre 18 e 25 anos: 13€.
Menores de 18 anos e pessoas com mobilidade reduzida: Acesso gratuito.
A entrada é gratuita no primeiro domingo de cada mês.

Visita guiada pelos Museus Capitolinos e arredores €50

Basílica de Santa Maria Maggiore - É a maior igreja dedica à Virgem Maria. Esta basílica tem diversos estilos arquitetónicos desde o paleocristão até ao barroco. 

Preço: 3 euros. 

2 euros para estudantes e idosos. 

 

Catacumbas de Roma - As catacumbas são galerias subterrâneas onde os cristãos enterravam os falecidos. Assim, por não estarem de acordo com o costume pagão de cremar os corpos, para solucionar os problemas devido à falta de espaço e ao alto custo da terra, os cristãos decidiram criar estes amplos cemitérios debaixo de terra.

Apesar de Roma possuir sessenta catacumbas, atualmente só estão abertas cinco: 

Catacumbas de São Sebastião - Estas catacumbas têm 12 quilômetros de extensão. O seu nome deriva de São Sebastião, um soldado que foi martirizado por se ter convertido ao cristianismo. 

Catacumbas de São Calixto - Com uma rede de galerias de mais de 20 quilômetros de extensão, as tumbas de São Calixto foram o local de enterro de 16 pontífices e dezenas de mártires cristãos. 

Catacumbas de Domitila - Descobertas em 1593, estas catacumbas têm mais de 15 quilômetros de percurso. 

Catacumbas de Priscila - Conservam alguns frescos muito importantes param a história da arte, como as primeiras representações da Virgem Maria.

Catacumbas de Santa Inês - Após ser martirizada por ser cristã, Santa Inês foi enterrada nas catacumbas que posteriormente ganharam seu nome.

Preço: Adultos, 8€; crianças das 7 aos 15 anos, 5€; menores de 5 anos, gratuito.

 

Mercado de Trajano - É o primeiro centro comercial coberto da história, construído entre os anos 100 e 110 d.C . Atualmente, abriga os museus dos Fóruns Imperiais onde é possível ver o mercado e as exposições. 

Preço: Adultos: 9,50€.
Cidadãos da UE entre 18 e 24 anos: 7,50€.

 

Termas de Caracalla - Foram um dos maiores centros termais da antiguidade. Atualmente restam apenas ruínas, muros de tijolos e grandes abóbadas desabadas.

Preço: Adultos: 8€.
Cidadãos da UE entre 18 e 24 anos: 4€.

Visita guiada pelas Termas de Caracalla 41€

Palácio Barberini- Este Palácio foi capaz de superar as residências mais luxuosas que pertenceram à nobreza romana da época. Atualmente abriga a Galeria Nacional de Arte Antiga. 

Preço: Adultos: 12€.
Cidadãos da UE entre 18 e 25 anos: 2€.

Atenção: Entrada gratuita para menores de 18 anos.

 

Villa Giulia – O Museu Etrusco de Villa Giulia abriga obras da antiguidade pré-romana italiana. Para além de apreciar as coleções, é possível passear pelo palacete e pelos jardins. 

Preço: Adultos: 10€
Estudantes: 2€

 

Palazzo Altemps - Foi inaugurado em 1997 como parte do Museu Nacional Romano. Abriga uma importante coleção de esculturas gregas e romanas que pertenceram a diferentes famílias da nobreza romana entre os séculos XVI e XVII

Preço: Adultos: 7€.
Cidadãos da UE entre 18 e 25 anos: 2€.
Cidadãos da UE menores de 17 anos e maiores de 65: entrada gratuita.
Atenção: O bilhete é válido para os quatro museus do Museu Nacional Romano.

 

Palazzo Massimo - É um dos quatro museus que formam o Museu Nacional Romano, um dos mais importantes do país. Possui uma das melhores coleções arqueológicos do mundo.

Preço: Adultos: 13€.
Cidadãos da UE entre 18 e 25 anos: 2€.
Cidadãos da UE menores de 17 anos e maiores de 65: entrada gratuita.
Inclui: Palazzo Massimo, Palazzo AltempsCripta BalbiTermas de Diocleciano.

 

Galeria Borghese –É um dos museus de arte mais famosos e reputados do mundo. Está localizada entre os jardins da Villa Borghese. Expõe uma coleção de antiguidades clássicas, como os chamativos mosaicos e as incríveis esculturas, além dos frescos que decoram tetos e paredes muito bem conservados.

Preço: Adultos: 20€
Pessoas entre 18 e 25 pertencentes à UE: 9€.
Menores de 18 anos: Acesso gratuito.

Visita guiada pela Galeria Borghese €59

Atenção: É necessário marcar previamente visita 

 

ONDE DORMIR

 

Hotel Al SanPietrino (2 estrelas) - Este hotel localiza-se perto do Vaticano e de estações de metro, como a Estação de Metro de Ottaviano - San Pietro. O hotel presenteia os seus hóspedes com uma máquina de comida onde se podem servir e com o aluguer de bicicletas, ambos os serviços gratuitos. A pontuação no site booking é de 8.8 (fabuloso).

 

B&B Hotel Roma San Lorenzo Termini (3 estrelas) - Este hotel moderno encontra-se perto de vários monumentos e da Estação de Metro de Policlínico. O elétrico nº3 para em frente ao hotel e providencia ligações para o Coliseu, o Circus Maximus e o bairro de Trastevere. A pontuação no site booking é de 8.9 (fabuloso).

 

Albergo Etico Roma (3 estrelas) - O hotel localiza-se perto do centro histórico e de muitos monumentos importantes, como a Piazza del Popolo ou a Villa Borghese O hotem tem pequeno-almoço incluído. A pontuação no site booking é de 9,5 (excecional).

ONDE COMER

Pizza e Mozzarella - Esta pizzaria serve fatias de pizza do tamanho que o cliente quiser. Com comentários muito positivos, é uma excelente opção para experimentar as pizzas italianas e para um almoço rápido no centro da cidade. 

Morada: Via di Pie' di Marmo 32, 00186 Roma, Itália

 

Sfiziarte - The Art of Food- Este restaurante situa-se perto do Vaticano. É uma boa opção para quem quer experimentar um restaurante com comida tradicional italiana, mas com preços bastante acessíveis. 

Morada: Via Leone IV 101, 00192 Roma, Itália

 

Ristorante Nerone - Este restaurante é também uma boa opção, uma vez que se localiza no centro histórico. Este restaurante serve comida tradicional italiana. 

Morada- Via del Viminale 7A, 00184 Roma, Itália

                                                                                                                           CONTRIBUTO DA VIAJANTE MARIANA TEIXEIRA

 


 

  • Instagram