NÁPOLES

NÁPOLES 

Nápoles é a terceira cidade mais populosa de Itália. Situada a sul do país, é conhecida mundialmente pela sua história, música, pelos seus encantos naturais e por ser a terra natal da pizza. O centro histórico de Nápoles é Património Mundial da UNESCO. A população é extremamente amável e acolhedora. Contudo, é difícil de encontrar habitantes que dominem a língua inglesa, o que lhe pode dificultar a vida se precisar de pedir indicações.

Pode chegar até Nápoles de avião. A cidade possui apenas um aeroporto (Aeroporto Internazionale di Napoli/ Capodichino Airport), havendo uma grande opção de companhias aéreas, como por exemplo a Ryanair, que oferece preços bastante económicos (p. ex. 50€ ida e volta em junho).

Se está a fazer uma viagem pela Itália, o comboio é uma opção a considerar. Nápoles tem várias estações de comboio, entre as quais se destaca a Napoli Centrale (Napoli Piazza Garibaldi).

 

 

COMO SAIR DO AEROPORTO

- ALIBUS: 5€ por pessoa. Duração 30m.

Onde apanhar: Fora do aeroporto, junto ao P3 (Viale Fulco Ruffo di Calabria).

Os bilhetes podem ser comprados a bordo do autocarro, à saída do aeroporto ou em postos de venda autorizada. Pode obter mais informações sobre venda de bilhetes e horários dos autocarros em http://www.anm.it/index.php?option=com_content&task=view&id=1314&Itemid=373

 

- Táxi: Cerca de 20€

Atenção: Em Nápoles não existe Uber. Em maio de 2019, apenas funcionava a app mytaxi (freenow), que não apresentava uma estimativa do preço da viagem. Por isso, se decidir ir de táxi, negocie antes o preço com o condutor para evitar ter de pagar um valor absurdo pela sua viagem.

 

 

ATRAÇÕES TURÍSTICAS GRATUITAS 

 

Piazza del Plebiscito - A Praça do Plebiscito é um dos lugares públicos mais elegantes e monumentais de Nápoles. Atualmente, é onde acontece a maior parte dos eventos culturais da cidade.

Nesta praça, localizam-se duas imponentes construções: A Basílica de San Francesco di Paola e o Palácio Real.

Como chegar: Metro (Municipio, linha 1)

 

Basílica de San Francesco di Paola - A Basílica possui uma enorme colunata que se estende sobre a Piazza del Plebiscito. No interior da Basílica possui uma decoração rica, composta por uma nave central que se abre como uma rotatória de 34 metros de diâmetro, coberta por uma cúpula sustentada sobre 34 colunas de estilo coríntio.

Como chegar: Metro (Municipio, linha 1)

 

Galeria Umberto I - Construída entre 1887 e 1890, a Galeria Umberto I é um impressionante exemplo arquitetónico do século XIX, sendo uma das galerias mais importantes do país. Coberta por uma estrutura de ferro e vidro, a galeria está decorada com imponentes estátuas e murais chamativos que representam os diferentes continentes, as estações do ano e várias divindades clássicas. 

No primeiro andar podemos encontrar algumas lojas, cafeterias e restaurantes, enquanto a zona superior é dedicada especialmente aos escritórios e setores administrativos.

Como chegar: Metro (Toledo, linha 1)

 

Via San Gregorio Armeno – Localizada no coração histórico de Nápoles, San Gregorio Armeno é uma das principais vias da cidade e é conhecida por reunir os melhores artesãos e lojas especializadas em artigos decorativos para presépios. As ruas estão repletas de imagens natalícias durante todo o ano, sendo que nas datas mais próximas do Natal, a rua transforma-se numa autêntica loucura.

Metro (Museo, linha 1)

 

Via Toledo – É uma das ruas mais importantes de Nápoles onde se encontram as lojas das principais franquias comerciais e também alguns comércios antigos que sobreviveram com o passar dos anos. Um dos principais pontos de interesse da Via Toledo é a estação de metro Toledo, um espaço com uma decoração surpreendente.

Como chegar: Metro (Toledo, linha 1)

 

Castel dell’Ovo – Reza a lenda que Virgílio escondeu um ovo mágico em baixo dos cimentos da fortaleza e que, caso ele se partisse, a cidade sofreria uma enorme catástrofe. Assim surgiu o nome do Castelo do Ovo (em italiano, Castel dell'Ovo). O castelo foi construído em 1128 numa ilhota junto à costa de Nápole e serviu de forte, atuando ao longo da sua história como elemento defensivo, prisão e residência real. Atualmente, é um centro que abriga eventos e exposições. Dos terraços do castelo, é possível observar as belíssimas vistas da Baía de Nápoles e do Monte Vesúvio.

Horário: 9:00-19:00 (Seg-Sáb), 9:00-13:00 (Dom)

Como chegar: Metro (Municipio, linha 1)

 

Parque Nacional do Vesuvio – O Monte Vesúvio fica localizado em frente à baía de Nápoles. É um dos vulcões ativos mais perigosos do mundo, conhecido por ter devastado as cidades de pompeia e herculano em 79. Durante a visita pode desfrutar das melhores vistas da cidade e descobrir de perto as causas das catástrofes ocorridas em Pompeia e Herculano.

 

 

NÃO GRATUITAS MAS QUE VALEM A PENA

 

Castel Nuovo – Construído entre 1279 e 1282, o Castelo Maschio Angioino, mais conhecido como Castel Nuovo, é uma fortaleza medieval renascentista de especto imponente, localizada junto ao porto de Nápoles.O Castel Nuovo é de visita imprescindível, sendo uma das construções mais chamativas da cidade: possui cinco torres unidas por enormes muralhas e conta com um enorme fosso que o rodeia. Contudo, o seu interior é um pouco dececionante, uma vez que se encontra praticamente restaurado na íntegra e é como visitar qualquer outro museu.

Horário: 8:30-19:00 (Seg-Sáb)

Preço: 6€ (adultos), entrada livre a menores de 18 anos

Como chegar: Metro (Municipio, linha 1)

 

Complesso Monumentale di Santa Chiara - O complexo monumental começou a ser construído em 1310. Em 1943, a igreja foi quase completamente destruída por bombardeios aéreos. Foi reconstruída e restaurada de acordo com o estilo gótico original. Atualmente, a igreja apresenta o estilo gótico original, com uma fachada simples na qual está a antiga rosácea perfurada. No claustro, pilares octogonais alinham-se no perímetro, revestidos com decorações florais em cerâmica de majólica. Os pilares são conectados por bancos cobertos de azulejos com cenas populares, rurais, marítimas e mitológicas. As quatro paredes do claustro estavam cobertas com pinturas do século XVII, representando santos, alegorias e cenas do Antigo Testamento. No museu dentro do complexo, é possível admirar uma seção transversal da história napolitana da antiguidade ao século XX, alguns dos tesouros dos bombardeios de 1943 não conseguiu destruir e uma área arqueológica com restos de um spa romano.

Horário: Claustro (9:30 – 17:30 Seg.-Sáb., 10:00 – 14:30 Dom.). Última entrada 30m antes do encerramento; Igreja (7:30– 3:00,16:30-20:00, Seg-Dom.)

Preço: 6€ (adultos), 4,50€ (estudantes com menos de 30 anos e idosos com mais de 65 anos)

Como chegar: Metro (Dante, linha 1)

 

Visita aos subterrâneos de Nápoles (Piazza San Gaetano, 68) - Escondidas sob as ruelas do centro histórico de Nápoles, os subterrâneos de Nápoles abrigam um dos maiores emaranhados de túneis da Europa. Após descer mais de 100 degraus até aos 40 metros de profundidade, irá percorrer uma sequência de túneis estreitos e extensas salas subterrâneas através das quais se inicia uma viagem pela história de Nápoles. O percurso é feito por túneis de apenas 70 centímetros de largura e a visita ocorre na penumbra, apenas com a iluminação de uma vela. Por isso, se sofre de claustrofobia ou não se confortável em lugares estreitos e escuros, talvez não seja uma boa ideia fazer esta visita.

Horário: As visitas guiadas acontecem das 10:00 às 18:00 horas. A frequência entre elas é de uma hora. Possuem uma duração de 1 hora e 30 minutos e podem ser feitas em italiano ou inglês.

Preço: 10€

Como chegar: Metro (Museo, linha 1 ou Piazza Cavour, linha 2)

Para mais informações, consultar: https://www.napolisotterranea.org/?gclid=Cj0KCQiA7OnxBRCNARIsAIW53B9EDu7HEitg8Php7-tLwU8M0O3FepqI_3mOtZCob3amryStXkFa7tIaAkMrEALw_wcB

 

 

Palazzo Reale - Construído em 1600, o Palácio Real é um imponente edifício histórico. Durante sua visita, podem ser vistos os antigos aposentos reais perfeitamente conservados com a sua decoração original.Encontra-se perfeitamente conservado e por isso oferece uma versão muito realista dos luxos que a monarquia ostentava naquela época.

Horário: 9:00-20:00 (Qui-Ter)

Preço: 6€ (adultos), 3€ (jovens 18-24 anos)

Como chegar: Metro (Municipio, linha 1)

 

Pompeia -  Pompeia é uma antiga cidade romana que ficou soterrada pelas cinzas de uma erupção do vulcão Vesúvio há mais de 2.000 anos. Este desastre natural, foi um dos mais violentos da história da humanidade e fez com que a cidade caísse no esquecimento até ser redescoberta no século XVI, quando em 1748 começaram as escavações para a desenterrar.

Horário: De 1 de novembro até 31 de março: 9:00-17:00 (Seg-Sex), 8:30-17:00 (Sáb-Dom). Última entrada às 15:30.

De 1 de abril até 31 de outubro: 9:00-19:30 (Seg-Sex), 8:30-19:30 (Sáb-Dom). Última entrada às 18:00. Fechado: 1 de janeiro, 1 de maio e 25 dezembro.

Preço: 16€ (adultos), 2€ (cidadãos europeus entre 18-24 anos)

Como chegar: Comboio (linha Circumvesuviana). Duração: 30-40 minutos. Preço: 4€ (pode variar consoante o tipo de comboio escolhido).

 

Ruínas de Herculano - Herculano é uma cidade romana que, tal como Pompeia, foi destruída e soterrada pela furiosa explosão do vulcão Vesúvio em 79. As cinzas agrediram a cidade com maior violência (comparativamente a Pompeia). Herculano ficou totalmente soterrada e permanece praticamente intacta, sendo que a maioria dos edifícios ainda possui as suas estruturas completas e no interior ainda se mantêm intactos os luxuosos mosaicos que decoravam o chão e as paredes. A nova cidade -Ercolano - foi construída praticamente sobre a antiga Herculano, formando um curioso contraste entre o passado e o presente.

Horário: De 1 novembro até 31 de março: todos os dias das 8:30 às 17:00 horas. De 1 de abril até 31 de outubro: 8:30-19:30 (todos os dias).

Preço: 13€ (adultos), 2€ (cidadãos europeus entre 18-25 anos). Como chegar: Comboio (linha Circumvesuviana) até à estação Ercolano Scavi. Duração: 15 minutos. Preço: 4€ (pode variar consoante o tipo de comboio escolhido).

Dica: Existem algumas datas em que a entrada não é paga e que podem ser consultadas aqui: https://www.coopculture.it/en/ticket.cfm?office=Scavi%20di%20Ercolano&id=72

 

ONDE DORMIR?

 

Factory Design (Bed&Breakfast)

Horário: Check-in (12:00-21:30), Check-out (08:00-10:30). É aplicada uma taxa extra de 25€ aos hóspedes que efetuem o check-in após as 21:30

Preço: Desde 154€; Quarto Duplo com Varanda e Casa de Banho Privativa (2 noites, 2 pessoas).

Morada: Via Ferdinando Del Carretto 26, Plebiscito, 80133 Nápoles, Itália

Classificação (Booking): 8,8

 

Casa Via dei Fiorentini (Casa de férias)

Horário: Check-in (14:00-18:30), Check-out (8:00-11:00). 

Preço: Desde 140€; Casa com 1 quarto (2 noites, 2 pessoas).

Morada: Via dei Fiorentini 21 21, Port of Naples, 80133 Nápoles, Itália

Classificação (Booking): 9,5

 

Vi&Vi House (Apartamento)

Horário: Check-in (14:00-20:00), Check-out (0:00-11:00). 

Preço: Desde 98€; Quarto Duplo com Casa de Banho Privativa (2 noites, 2 pessoas).

Morada: 72 Via Pietro Colletta, Estação Central de Nápoles, 80139 Nápoles, Itália

Classificação (Booking): 9,2

 

ONDE COMER?

Trattoria da Nennella – O típico restaurante italiano! Empregados simpáticos e ambiente extrovertido com muita cantoria e barulho à mistura.

Horário: 12:00-15:00, 19:00-23:00 (Seg-Sáb)

Preço: 12€ (1 pessoa, massa, 2º prato com acompanhamento e 1 água)

Morada: Vico Lungo Teatro Nuovo, 103/104/105, 80134 Napoli NA, Itália

Classificação (TripAdvisor): 4,0

Pizzeria Brandi – Uma das pizzarias mais antigas de Nápoles. Diz-se que foi a pizzaria que inventou o sabor Pizza Marguerita. Foi aqui que comi a melhor pizza da minha vida!

Horário: Salita S. Anna di Palazzo, 1/2, 80132 Napoli NA, Itália (Ter-Dom)

Preço: 4,50€ (pizza média para 2 pessoas, take-away) ou 12€ (1 pessoa, 1 pizza, 1 refrigerante e taxa de serviço de 1,80€)

Morada: Salita S. Anna di Palazzo, 1/2, 80132 Napoli NA, Itália

Classificação (TripAdvisor): 4,0

 

L'Antica Pizzeria da Michele – Um ponto de passagem obrigatório para todos os amantes do filme “Comer, Orar e Amar”.

Horário: 11:00-22:30 (Seg-Sáb)

Preço: 7€ (1 pizza maxi e 1 regrigerante)

Morada: Via Cesare Sersale, 1, 80139 Napoli NA, Itália

Classificação (TripAdvisor): 4,0 

 

Dicas:

- Provar o doce napolitano Sfogliatella (massa folhada em forma de concha recheada com ricota com sabor de laranja, pasta de amêndoa e casca de cidra cristalizada, etc.);

- Provar o doce napolitano Babà (bolo com a forma de um cogumelo cuja massa é embebida em licor, geralmente rum ou limoncello);

- Provar o doce napolitano Cannolo (massa doce frita em formato de tubo que pode ser recheado com um creme à base de queijo ricota ou mascarpone, baunilha, chocolate, pistacho, frutas cristalizadas, etc.);

- Beber um copo de Limoncello (licor à base de limão, álcool, água e açúcar), bebida típica do sul da Itália;

- Poupe dinheiro evite usar os transportes. Nápoles é uma cidade maravilhosa e agradável de visitar caminhando.

- A cidade é um pouco suja e alguns becos podem parecer sombrios e perigosos. Contudo, é uma cidade segura. Pode ver , alguns membros do exército nas ruas principais, quer de dia, quer de noite. Contudo, tome sempre precaução. Principalmente com os condutores! Eles não gostam de parar nas passadeiras, e os motociclistas adoram passear com as suas vespas motorizadas pelos passeios.

                                                                                     

                                                                                                                                CONTRIBUTO DA Viajante Jéssica Carvalho                                                 

                                                                                                         

  • Instagram