CASABLANCA

     CASABLANCA

Casablanca é famosa pelo clássico filme com Humphrey Bogart e Ingrid Bergman de 1942. É a maior cidade do reino de Marrocos e o grande centro financeiro e económico de África. Por ser conhecida como uma cidade de negócios, não é das cidades mais visitadas do país. No entanto, esta cidade pode surpreender os visitantes que por lá passam, principalmente por ser uma cidade cosmopolita e voltada para o mar. Por ser uma cidade costeira, Casablanca tem várias atividades para quem quer aproveitar o mar, desde fazer praia a fazer surf ou mergulho. 

Ao visitar Casablanca irá certamente reparar na grande influência francesa não só na arquitetura, mas também no quotidiano da cidade. 

 

 

COMO SAIR DO AEROPORTO

 

Casablanca é provavelmente a cidade marroquina com melhores ligações, possivelmente devido às suas dimensões e pela conhecida importância económica. As viagens para Casablanca a partir do Porto e Lisboa, são de aproximadamente 130€. Na cidade está localizado o Aeroporto Internacional Mohammed V. A opção mais económica, a partir do aeroporto para ao centro da cidade, é viajar o autocarro. A empresa CTM dispõe de uma linha regular entre o aeroporto e a cidade. O percurso demora cerca de 45 minutos e é realizado das 7h30 à meia noite.

Por comboio existem várias ligações a Casablanca, uma vez que a cidade ocupa uma posição central na rede ferroviária do país. A linha férrea é de boa qualidade dos e com baixo custo, pelo que será melhor optar por esta via sempre que possível. As duas estações de Casablanca: a Casa Port e a Casa Voyageurs, realizam viagens para Fes, Tânger, Rabat e Marrakesh, entre outras. Por exemplo, no caso de sair da estação ferroviária de Marraquexe, até à estação Casa-Voyageurs, em Casablanca, a viagem demora cerca de 2h30m e o comboio custa 96 Dh (na classe económica).

 

 

ATRAÇÕES TURÍSTICAS GRATUITAS 

 

Parq de La ligue Arabe – Considerado o pulmão verde de Casablanca, este parque encontra-se junto à Catedral de Sacre Coeur. Um local pouco turístico, mas que vale a pena visitar pelo jardim e pelas fontes de perder de vista. 

 

Medina - É a parte mais antiga da cidade e o lugar mais frequentado da cidade. Aqui poderá ver diferentes produtos expostos desde o artesanato típico marroquino a vendedores de sumos, no entanto, não se assuste com a insistência dos vendedores, pois este é um local bastante interessante para visitar. Se tiver interesse em algum produto deve regatear bastante o preço pois estes são geralmente bastante inflacionados para os turistas. Na zona envolvente da medina poderá observar a arquitetura, com bastantes construções de arquitetura semelhante à europeia, algo bem diferente do resto do país.

 

Catedral do Sagrado Coração (Cathédrale du Sacré Coeur) - A antiga catedral católica da cidade em estilo neogótico foi desativada em 1956, após a independência do Marrocos e hoje é um centro cultural. Na visita a este local poderá admirar a beleza dos vitrais com desenhos islâmicos.

 

Praça Mohammed V – Esta praça é o centro administrativo da cidade, onde estão vários monumentos importantes e por isso é bastante bonita, adornada com palmeiras e uma fonte central. Esta praça é muito movimentada e poderá encontrar pessoas vestidas com trajes marroquinos, contudo tenha cuidado uma vez que algumas pedem dinheiro para serem fotografadas.

 

Marocco Mall - Para quem gosta de compras, em Casablanca poderá visitar o maior centro comercial da África. Um shopping moderno, com várias lojas de marcas comerciais, um aquário, cinema 3D e uma gigante fonte musical.

 

NÃO GRATUITAS MAS QUE VALEM A PENA

 

Mesquita Hassan II - Este é um local obrigatório a visitar em Casablanca. O interior da mesquita é lindíssimo e certamente que se sentirá muito pequenino no meio da imensidão da arquitetura deste monumento religioso. Além disso, a visita guiada permite conhecer os rituais da religião mulçulmana. A visita ao interior da mesquita tem um custo para adultos de 130 Dh, mas se tiver um cartão estudante ou cartão jovem, o valor passa para metade. A fila costuma ser grande e se quer ouvir bem a guia deve ter atenção ao horário de abertura. Para entrar na mesquita é obrigatório ter os ombros e joelhos tapados, além de que lhe será pedido para se descalçar, no entanto, as fotografias são permitidas. Assim, quando decidir visitar este local leve roupa apropriada e confortável. O Horário da mesquita é de sábado a quinta-feira, de hora a hora das 9h00 às 12h00 e depois às 15h00, contudo às sextas a entrada da parte da manhã é só até às 11h00. O local de compra do bilhete é distante da porta de entrada na mesquita, por isso é importante que se faça acompanhar pelo recibo do bilhete, uma vez que precisará dele para entrar.

 

Rick’s Café - Inaugurado em 2004, este café é uma réplica do bar que ficou famoso no filme “Casablanca” e é por isso o segundo local mais visitado da cidade (o primeiro á a mesquita), estando por isso constantemente cheio de turistas e apresentando menus com preços elevados. Para os fãs vale a pena a visita, mas deve fazer reserva durante a época alta. No local há um pianista e um espaço reservado onde o filme é exibido seguidamente. Os menus variam entre 100 e 300 Dh. O horário do restaurante é das 12h00 às 15h00 e das 18h30 à 01h00. Morada: 248 Boulevard Sour Jdid | Place Du Jardin Public, Casablanca 20000, Marrocos.

 

ONDE DORMIR

 

LHOSTEL à Casablanca – Em Casablanca por 40€ ou por menos de 20€ (em dormitório misto), pode ficar neste lindo hotel, com pequeno-almoço incluído. Localiza-se a 5 minutos a pé da linha do metro, tem wifi gratuito e os quartos são bem espaçosos. Morada: 6, Rue d'Aix Oasis, Maarif, 20410, Casablanca, Marrocos.

 

Premiere Classe Casablanca Centre Ville – Por 35€/ noite tem como opção este hotel a menos de 1 km da Estação Ferroviária Casa Voyageurs  e a 2,8 km da Antiga Medina de Casablanca. Este hotel tem pequeno almoço incluído e wifi gratuito. Morada: Rue Qortobi (EX Albert 1er), Roches Noires, 20250, Casablanca, Marrocos.

 

Astoria – Por aproximadamente 30€/ noite e com pequeno almoço incluído, encontra o hotel Astoria localizado no centro de Casablanca e a  2,6 km da Mesquita Hassan II. Morada: 63 Rue Azilal, Sidi Belyout, 20090 Casablanca, Marrocos.

 

ONDE COMER

 

Al Mounia  – é o restaurante mais antigo de Casablanca e poderá provar comida típica marroquina, como o tajine. O restaurante vale muito a visita, não só pela comida, mas também pela história e arquitetura do mesmo. Os preços dos pratos variam entre 60 a 180 Dh. Para a sobremesa não deixe de experimentar os doces típicos, são vários bolinhos pequenos que poderá dividir com quem viajar e provar um pouco da pastelaria/doçaria marroquina. Morada: 95 Rue du Prince Moulay-Abdallah, Casablanca, Marrocos.

Le Riad Restaurant – Este típico restaurante fica no centro da cidade, no entanto poderá ser difícil encontrá-lo devido à má sinalização do mesmo. Os preços variam entre 40 a 180 Dh e o horário é de segunda a sábado das 11h45 às 22h30. Morada: 45-47 Rue Mohamed El Quori, Casablanca 20000, Marrocos.

Veggie – Este restaurante tem uma ementa com pratos vegetarianos e sem glúten. O espaço moderno acompanha o estilo da comida. O horário é de Segunda a Sábado das 11h30 às 22h30. Morada: 2 Rue Theophile Gauthier, Casablanca 20000, Marrocos.

                                                                                                                                CONTRIBUTO DA VIAJANTE MÁRCIA SOUSA

  • Instagram